Eventos

27 de maio de 2022

Short Course on: Development of platforms to study transmembrane proteins – towards medical, agricultural and biotechnological benefits

Speakers:

Prof. Paul W. Denny. (Durham Univ. UK);

Prof. Dr. Ariel M. Silber. (ICB-USP);

Prof. Dr. Otavio H. Thiemann (IFSC-USP);

Prof. Dr. Artur T. Cordeiro (LNBio-CNPEN);

Prof. Dr. Rafael V. C. Guido (IFSC-USP);

Prof. Dr. André L. B. Ambrósio (IFSC-USP);

Profa. Dra. Flavia Zimbres  (Durham Univ. UK);

Prof. Dr. Brian A. S. Mantilla (Durham Univ. UK);

Prof. Dr. Ehmke Pohl (Durham Univ. UK);

Profa. Dra. Gabriela Burle (FIOCRUZ-UFMG);

The main topics to be covered in this course are:

Introduction to the cell-free expression system;

Trans-membrane proteins as drug targets: the challenges and opportunities;

Methods in medicinal chemistry for drug discovery;

Introduction to structural biology and medicinal chemistry tools;

Structural biology of transmembrane proteins;

Energy Management and Cell Signalling in Leishmania: an overview from Polyphosphorylated Metabolites;

Analysis of metabolite membrane transporters activity;

Introduction into computational (on-line) resources – chances and pitfalls;

Applications of cell-free expression system;

May 23 May 24 May 25 May 26 May 27
8:00h – 10:00h Reception Lab. activity Lab. activity  

Visit to LNLS

Lab. activity
10:00h-12:00h Class Class Class Class
14:00h-16:00h Lab. activity Lab. activity Lab. activity Lab. activity
16:00h-18:00h Class Class Class Final discussion

 

The course will be offered by our Post-Graduate  Program as “SFI5895 Seminários de Pós-Graduação’’ and registered students can get 2 credits for it.

Applications:

Interested should be developing its MsC and PhD program;

Applications Dedline April 29th, 2022;

Send a short CV and a 01 page letter describing the importance of the course to your pos-graduate work and/or future carrer to:

Otavio Thiemann and Ariel Silber (thiemann@ifsc.usp.br & ariel.silber@gmail.com)

Lectures will be in the “Laboratório de Biologia, LEF, IFSC/USP’’;

4 de maio de 2022

A construção estética de um povo: os três modernismos brasileiros e seus colapsos

Conferência Magistral do Campus USP São Carlos:

“A construção estética de um povo: os três modernismos brasileiros e seus colapsos”

Prof. Dr. Vladimir Safatle (FFLCH-USP)

Mediação: Prof. Dr. Ruy Sardinha Lopes (IAU-USP)

Vladimir Safatle nasceu em 1973, em Santiago do Chile. Formado em Filosofia pela USP e mestre em Filosofia pela mesma universidade, com dissertação sobre o conceito de sujeito descentrado em Lacan, sob a orientação de Bento Prado Júnior, é doutor em Filosofia pela Universidade de Paris VIII, com tese sobre as relações entre Lacan e a dialética, sob a orientação de Alain Badiou. Professor titular do Departamento de Filosofia da USP, onde leciona desde 2003, também é professor do Instituto de Psicologia da mesma universidade e foi professor convidado nas universidades de Paris I, Paris VII, Paris VIII, Paris X, Toulouse (França), Louvain (Bélgica) e Essex (Inglaterra), visiting scholar da Universidade de California, Berkeley (EUA), além de fellow do Stellenbosch Institute of Advanced Studies (África do Sul), e responsável por seminários no Collège International de Philosophie (França) e fellow do The New Institute de Hamburgo (Alemanha). Um dos coordenadores do Laboratório de Pesquisas em Teoria Social, Filosofia e Psicanálise (Latesfip/USP), juntamente com Christian Dunker e Nelson da Silva Júnior, é ainda membro do conselho diretivo da International Society of Psychoanalysis and Philosophy.Com artigos traduzidos para inglês, francês, japonês, espanhol, sueco, norueguês, catalão e alemão, suas publicações versam sobre psicanálise, teoria do reconhecimento, filosofia da música, filosofia francesa contemporânea e reflexão sobre a tradição dialética pós-hegeliana. Seus livros incluem: A potência das fendas: diálogos sobre música (N-1, 2021, com Flo Menezes), Maneiras de transformar mundos: Lacan, política, emancipação (Autêntica, 2020), Dar corpo ao impossível: o sentido da dialética a partir de Adorno (Autêntica, 2019; versão em espanhol), O circuito dos afetos: corpos político, desamparo e o fim do indivíduo (Autêntica, 2016; versões em espanhol, em italiano e francês), Grande Hotel Abismo – para uma reconstrução da teoria do reconhecimento (Martins Fontes, 2012; versão em inglês), O dever e seus impasses (Martins Fontes, 2013), A esquerda que não teme dizer seu nome (Três estrelas, 2012; em espanhol), Cinismo e falência da crítica (Boitempo, 2008), Lacan (Publifolha, 2007; versão atualizada publicada pela Autêntica, 2017) e A paixão do negativo: Lacan e a dialética (Unesp, 2006; versão em francês publicado por Georg Olms Verlag, 2010). Seus próximos trabalhos versarão sobre a atualização da noção de forma crítica a partir da estética musical contemporânea e da reflexão sobre problemas relacionados ao destino das categorias de autonomia, expressão e sublime. O primeiro volume desse trabalho, que deverá conter três volumes, será “Em um com o impulso: experiência estética e emancipação social” (Autêntica, 2022).

27 de abril de 2022

Em abril – TUSP São Carlos apresenta “Música em Foco”

 

O Teatro da USP – “TUSP”, na cidade de São Carlos, retoma o projeto “TUSP em Foco”, que teve início em 2021, tratando da linguagem da dança. No próximo mês de abril será lançado o projeto “Música em Foco”, com a apresentação de um ciclo de conversas personalidades convidadas que atuam na área, ressaltando a importância dessa linguagem nas práticas cotidianas.

Serão quatro encontros  transmitidos ao vivo pelo Instagram @tuspdesanca, nos dias 07/04, 14/04 (Quintas-feiras), 20/04 e  27/04 (Quartas-feiras) , às 20h00, com mediação do violonista Henrique Carvalho,  bacharelando em música pela ECA-USP e bolsista Pub do TUSP nesta área, tendo a seu lado Claudia Alves, coordenadora das atividades do Teatro da USP no Campus São Carlos e pesquisadora em Pedagogia do Espectador pela ECA-USP.

O “Música em Foco” integra o Núcleo de Experiência e Apreciação e  foi idealizado com a expectativa de propor um debate qualificado sobre a linguagem, refletindo-a como importante instrumento de desenvolvimento pessoal e coletivo. O objetivo é democratizar o acesso à arte e à cultura, dentro e fora da universidade, com a participação de especialistas em música, de São Carlos e de São Paulo.

Convidado(a)s:

Fred Cavalcanti: Natural de Belo-Horizonte, viveu a infância no interior de Minas Gerais. Passou por Salvador e, atualmente, está no Estado de São Paulo. Vem de uma família com veia musical, onde todos tocam e cantam. Vivenciou a musicalidade no contexto das igrejas e em grupos musicais de MPB e de jazz. O aprendizado formal em música aconteceu no Conservatório de Tatuí , no Curso de Música da UNICAMP, além de pós- graduação em Educação na UFSCar.
Matheus Augusto Ferreira: Músico e educador musical, formado em Licenciatura em Educação Musical pela UFSCAR em 2008. Está à frente do Projeto Doces Flautistas desde 2007, além de professor de música da rede municipal de São Carlos desde 2011. Seu principal instrumento é o teclado, atuando como músico profissional em bandas desde 2004.

Ricieri Nascimento: Músico, Professor, Arranjador e Produtor Musical. Estudou no Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos em Tatuí – SP, além de ter estudado com Tinho Pereira (baixista e arranjador), Fred Cavalcante (pianista e arranjador) e Mario Campos (baixista e arranjador), entre outros. Cursou Canto e Direção Vocal no Just Voice Institute em São Paulo – SP. Lecionou Música na escola Educativa, no Ensino Fundamental I e II e no Ensino Médio. Trabalhou como produtor, professor e diretor musical na 3 Atos – Escola de Artes Cênicas, em São Carlos. Desde 2003 é produtor e arranjador no Timbu Estúdio (São Carlos) e na Radiovinhetas.

Nara Dom: Se traduz como junção entre o soul e o samba moderno. Faz música com muita personalidade e diversas influências no R & B. As referências são as divas internacionais como Aretha Franklin, Sharon Jones, Nina Simone e Etta James. No samba suas referências sonoras vem das rainhas do samba, como Dona Ivone Lara, Alcione, Beth Carvalho e Leci Brandão.

Mediadores:       

Claudia Alves Fabiano: Coordena o programa de ações culturais do TUSP no Campus  São Carlos, na função de orientadora de arte dramática. Atriz, professora de teatro, pesquisadora em Pedagogia do Espectador. Graduada em Artes Cênicas pela ECA-USP. Mestre em Artes e Doutoranda (em pausa) na área de Pedagogia do Teatro, pela mesma instituição. Integrante do Coletivo de Areia. É Coringa pelo Centro de Teatro do Oprimido.

Henrique Carvalho: Estudante de Música em São Paulo (CMU/ECA/USP) e violonista. Premiado em  concursos nacionais e internacionais. Foi bolsista da Cultura Artística, sob a orientação do maestro Fábio Zanon e foi selecionado no programa inaugural da Guitar Foundation of America Mentorship Program (USA). É bolsista PUB do TUSP – São Carlos, como monitor de música.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

27 de abril de 2022

“Encontro Cultura em Diálogo” nos campi da USP São Carlos e Ribeirão Preto

Uma semana de ações culturais conjuntas, com mesas-redondas, conferências, apresentações artísticas dirigidas às comunidades interna e externa da USP, e encontros formativos visando uma reflexão sobre ações e programas de cultura e extensão. Tudo isto estará congregado no “Encontro Cultura em Diálogo”, que ocorrerá de forma presencial e remotamente nos campi da USP São Carlos e Ribeirão Preto, entre os dias 23 e 27 deste mês de maio.

Promovido e organizado conjuntamente pelos Grupos Coordenadores das Atividades de Cultura e Extensão dos campi USP de São Carlos e de Ribeirão Preto, Centro Cultural da USP de São Carlos, Teatro da USP sediados nos dois campi, Seção de Atividades Culturais de Ribeirão Preto e o Coral da USP (São Carlos e Ribeirão Preto), este evento cultural contará com as presenças da Pró-Reiotora de Cultura e Extensão Universitária, Profª Marli Quadros Leite, Pró-Reitor Adjunto de Cultura e Extensão Universitária, Prof. Hussam El Dine Zaher, Prof. Alexandre José Molina (IA-UFU), Profª Lúcia Maciel Barbosa de Oliveira (ECA-USP), Prof. Ruy Sardinha Lopes (IAU-USP), Profª Vera Lúcia Cardim de Cerqueira (UFBa) e Celso Frateschi, o evento terá seu epílogo com a rfealização do Fórum de Políticas Culturais da USP (campi de São Carlos e Ribeirão Preto), onde serão discutidas concepções de cultura, arte, políticas de ação e gestão cultural, com a posterior produção de um documento-síntese que será enviado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP, visando contribuir para o fortalecimento das políticas culturais da Universidade.

Para ficar por dentro da programação deste evento, clique AQUI.

Para se inscrever, clique AQUI.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

6 de abril de 2022

Webinar ACIESP – “Violência e Radicalização”

“Violência e Radicalização”  é o tema do webinar promovido pela Academia de Ciências do Estado de São Paulo (ACIESP), como parte das atividades em comemoração aos 60 anos da FAPESP: https://60anos.fapesp.br/aciesp.

Esta é uma ótima oportunidade para debater e contribuir para a versão final do capítulo que será lançada no Evento FAPESP de dezembro de 2022.

É na próxima quarta-feira, 06/04, às 14h, com transmissão ao vivo pelo YouTube.

CLIQUE NA IMAGEM PARA SE CONECTAR

30 de março de 2022

Abertura da temporada 2022 dos “Concertos USP Filarmônica”

A USP Filarmônica, sob regência do maestro Rubens Russomanno Ricciardi, dá início à sua série mensal “Concertos USP”, com apresentação gratuita, na próxima quarta-feira (30/03), às 20h, no Teatro Municipal de São Carlos.

O primeiro concerto da temporada faz parte da “Programação de Recepção dos Calouros da USP São Carlos”. A série 2022 está alinhada ao Ciclo 22 da USP, comemorando os 100 anos da Semana de 22 e os 200 anos da Independência.  Com essa premissa, a USP Filarmônica vai apresentar um programa dedicado à música popular brasileira antiga, repertório este que é fruto das pesquisas inéditas do Núcleo de Pesquisas em Ciências da Performance em Música da USP (NAP-CIPEM).

O programa contempla inicialmente dois clássicos, o Concerto em Sol Maior para dois violões e orquestra de Antônio Vivaldi, e a famosa Ária da Suíte em Ré Maior, de Johan Sebastian Bach.

Daí o programa se torna temático, com paralelos entre a música popular da Europa e do Brasil à época da Independência. Serão apresentados o Fandango castelhano e o Menuetto de Luigi Rodolfo Bocherini, ao lado de seus congêneres brasileiros, as composições anônimas Duas Modinhas Pradenses (ca.1820), cujos manuscritos se encontram na Lira Ceciliana de Prados (MG); Lundum (ca.1825) editado por von Martius em Munique; Lundum (ca.1835) editado pelos irmãos Laemmert no Rio de Janeiro e, por fim; dois números do início do século XX, uma Valsa Caipira e Três Canções Folclóricas.

O primeiro concerto da temporada terá solos dos professores Gustavo Silveira Costa (viola caipira) e Paulo Eduardo de Barros Veiga (violino), e dos estudantes Vitor Botelho Sampaio e Fernando Genari (violões), Larissa Santos (viola), Bruno William dos Santos (violoncelo) e Matheus Luís de Andrade (percussão), todos da USP de Ribeirão Preto, além do spalla especialmente convidado para este concerto, Paulo Paschoal, violinista da OSESP.

Ingressos

Para os que possuem vínculo com a USP, deverão manifestar interesse por meio do preenchimento do formulário (AQUI), até o dia 27/03 (antes de preencher o formulário observar se está logado no e-mail USP).  Havendo mais interessados do que o número de ingressos disponíveis, será realizado um sorteio na segunda-feira (28/03) e os contemplados serão comunicados sobre onde e quando poderão retirar os ingressos.

Para o público em Geral:

a distribuição dos convites acontecerá no próprio Teatro Municipal, no dia do Concerto – 30/03, a partir das 19h30min. Como os ingressos são muito disputados, recomendamos chegar com antecedência no local.

ATENÇÃO:

Serão permitidos apenas 2 (dois) ingressos por pessoa.
Recomendamos que os participantes usem máscara nos espaços do Teatro e durante o concerto

Realização:
Departamento de Música da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto da USP;
Grupo Coordenador das Atividades de Cultura e Extensão Universitária – Campus da USP de São Carlos e de Ribeirão Preto;
Instituto de Arquitetura e Urbanismo da USP;
Teatro Municipal de São Carlos;

Para conferir a programação completa da Série 2022, clique AQUI.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

Fale conosco
Instituto de Física de São Carlos - IFSC Universidade de São Paulo - USP
Obrigado pela mensagem! Assim que possível entraremos em contato..