NOTÍCIAS

Seminário do Grupo de Óptica (IFSC/USP) com Prof. Reinaldo Cavasso Filho

O Grupo de Óptica do IFSC/USP realizou no dia 21 de maio mais um seminário acadêmico, desta vez apresentado pelo Prof. Dr. Reinaldo Luiz Cavasso Filho, docente e pesquisador da Universidade Federal do ABC (UFABC).

Subordinada ao tema Inserindo Conteúdos de Física Moderna no Ensino Médio: O Efeito Fotoelétrico e o Limite Imposto pela Velocidade da Luz, o palestrante começou por salientar que uma das grandes dificuldades da Física Clássica ao final do século XIX e início do século XX era a falha na explicação do efeito fotoelétrico. Outro problema sério, apontado pelo pesquisador, era a incompatibilidade da constância da velocidade da luz com a relatividade de Galileu. Tais fenômenos foram as sementes para o desenvolvimento da Mecânica Quântica e da Relatividade Especial.

Os conceitos e a matemática necessária para o entendimento do efeito fotoelétrico são certamente acessíveis para estudantes do Ensino Médio, mas, todavia, o aparato experimental para observação do efeito fotoelétrico possui um custo proibitivo para a maioria das escolas, principalmente as públicas.

Nesta palestra, o palestrante apresentou um aparato que desenvolvido para estudo do efeito fotoelétrico, que utiliza diodos emissores de luz (LEDs), tanto como fonte como receptores de luz. Longe de se tratar de um experimento meramente demonstrativo, com esse aparato de baixíssimo custo os estudantes podem explorar a dependência da fotocorrente com a frequência da onda incidente, bem como a independência do potencial de corte com a intensidade da luz.

Na segunda parte da palestra foi abordado o limite de velocidade imposto a corpos materiais. No desenvolvimento da Relatividade Especial, a independência da velocidade da luz com o referencial é o principal postulado e todos os resultados são retirados dessa premissa. Utilizando exclusivamente conceitos de Eletromagnetismo, não indo além do nível abordado no Ensino Médio, elaborou-se um gedanken-experiment cuja análise mostra claramente que a velocidade da luz é o limite natural de velocidade para corpos materiais.

Assimilando esses dois experimentos, o de baixo custo e o imaginário, o doc ente acredita que os estudantes de Ensino Médio estarão melhor preparados para o entendimento e aceitação dos conceitos da assim chamada “Física Moderna”.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

IV Congresso de Graduação da USP – alteração de datas

A Universidade de São Paulo organiza nos dias 04 e 05 do próximo mês de julho, na Cidade Universitária, em São Paulo (Auditório do Centro de Difusão Internacional da USP, localizado na Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 222), o IV Congresso de Graduação da USP, que este ano estará subordinado ao tema Buscando a Transdisciplinaridade na Construção do Conhecimento, indo ao encontro de um dos principais objetivos, que é reunir profissionais da Universidade e de outras instituições de ensino superior que tenham experiências e inovações no ensino de graduação, por forma poder compartilhar e discuti-las.

As principais datas referentes a este congresso foram prorrogadas

As inscrições para este evento estão abertas até dia 18 de junho e deverão ser realizadas através do site do Congresso (AQUI).

Os interessados em participar do congresso deverão enviar seus trabalhos até 27 de maio (CLIQUE AQUI)

Os assuntos devem estar relacionados ao ensino de graduação, como métodos ativos de ensino-aprendizagem, elaboração, aplicação e avaliação de materiais didáticos, formação de professores, objetos de aprendizagem, jogos e vídeos eletrônicos, reformulação curricular e laboratórios virtuais.

Poderão participar neste Congresso de Graduação da USP, docentes, pós-doutores, pós-graduandos, bolsistas de estágio PAE e monitores-bolsistas do Programa de Formação de Professores (pós-graduandos) e estudantes de graduação que tenham desenvolvido trabalho de pesquisa relativo ao ensino de graduação ou de ensino médio, sob orientação de docentes.

Na programação do congresso estarão incluídas oficinas de métodos pedagógicos e ferramentas de apoio ao ensino para os professores e pós–graduandos, além das sessões de apresentações de pôsteres.

Uma novidade nesta edição é um workshop que será especialmente organizado para professores de ensino médio da rede pública.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

Competição USP do Conhecimento – 2017 (“CUCo”)

Cerca de setenta alunos pertencentes aos 1º, 2º e 3º anos do Ensino Médio da cidade de São Carlos (representando cerca dos dois mil premiados em todo o estado de São Paulo) foram distinguidos no dia 14 de maio, em cerimônia ocorrida no Auditório “Prof. Sérgio Mascarenhas”, no nosso Instituto, por sua participação na Competição USP do Conhecimento de 2017 (CUCo-2017), perante as presenças do Vice-Reitor da USP, Prof. Dr. Antonio Carlos Hernandes, Secretário de Educação do Estado de São Paulo, Dr. João Cury Neto, Pró-Reitor de Graduação da USP, Prof. Dr. Edmund Chada Baracat e o Diretor Executivo da Fuvest, Prof. Dr. Renato Sanches Freire.

Também estiveram presentes entre os inúmeros convidados, as seguintes personalidades:

Lobbe Neto, Deputado Federal; Airton Garcia, Prefeito da cidade de São Carlos; Nino Mengatti, Secretário Municipal de Educação de São Carlos; Adriana Marangoni, Secretária Municipal de Educação de Matão; Secretário Municipal de Esportes e Lazer de São Carlos, Edson Aparecido Ferraz; Vice-Diretor do Instituto de Física de São Carlos, Prof. Igor Polikarpov; Diretor do Instituto de Química de São Carlos, Prof. Germano Tremiliosi Filho; Diretor do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, Prof. Alexandre Nolasco de Carvalho; Pioneira do Instituto de Física de São Carlos, Profª Yvonne Primerano Mascarenhas; Prefeito do Campus USP de São Carlos, e Prof. Sergio Paulo Campana Filho.

A Competição USP do Conhecimento (CUCO) busca incentivar os alunos da rede pública de ensino paulista a ingressar nos cursos de graduação da USP e, ao mesmo tempo, estimulá-los a melhorar o desempenho nas disciplinas que compõem o conteúdo programático dos processos seletivos de acesso no ensino superior. Por isso, a “CUCo” se configura como um desafio criado exclusivamente para os estudantes da rede pública do estado de São Paulo, sendo parte integrante do programa Vem pra USP.

Secretário de Educação do Estado de São Paulo – João Cury Neto

Em seu discurso, o Diretor Executivo da Fuvest, Dr. Renato Sanches Freire, elogiou o fato de a USP ter feito ao longo dos anos grandes esforços no sentido de abrir suas portas aos alunos do ensino médio de escolas públicas do estado de São Paulo, facultando oportunidades para que os jovens acessem o vestibular da Fuvest, sendo que, para o orador, a “CUCo” é o exemplo prático desse esforço, dessa chamada, desse incentivo. “Esta prova de conhecimentos auxilia – e muito – esse acesso, essa conquista do caminho rumo ao ensino superior”.

Já para o Pró-Reitor de Graduação, Prof. Edmund Chada Baracat, a USP é um exemplo do compromisso com a sociedade em termos de excelência, qualidade e responsabilidade social, incluindo a área de educação e nomeadamente com o ensino médio, sendo que a Graduação da Universidade de São Paulo é uma espécie de “diamante” da Universidade de São Paulo, algo que se iniciou com o trabalho do Prof. Antonio Carlos Hernandes no período em que liderou a Pró-Reitoria de Graduação da USP, tendo levado aos professores do ensino médio novas ferramentas para serem utilizadas pelos alunos, num esforço para que a educação no estado de São Paulo atinja a excelência.

João Cury Neto, Secretário de Educação do Estado de São Paulo, elogiou todos os alunos e professores do ensino médio do estado, considerando que a “CUCo” é uma iniciativa extremamente importante, tendo salientado o quanto o governo do estado se entusiasma com iniciativas como essa, no sentido de atrair e motivar os alunos da rede pública de ensino a passarem a fase de entrada na maior e melhor universidade do país e da América Latina. “Com programas como a “CUCo”, consegue-se diminuir as distâncias que infelizmente ainda existem entre as redes do ensino básico, ensino médio e ensino superior. Contudo, a USP não está distante como muitos pensam: ela está próxima e mostra isso com este programa dedicado aos alunos das escolas públicas. Os alunos têm competência para vencer os desafios que lhes são colocados, como comprovaram nesta competição. A USP está aberta a todos e oferece, sim, perspectivas para todos quantos queiram aproveitar as oportunidades”, enfatizou.

“Um dia muito especial para a USP e para a escola pública estadual” – assim começou seu discurso o Vice-Reitor da USP, Prof. Antonio Carlos Hernandes: “Não adianta fazer discursos políticos sobre educação; o que importa é fazer ações concretas e eficazes, tal como acontece em outros países”. O Vice-Reitor agradeceu de forma enfática as presenças do Deputado Federal Lobbe Neto e do Prefeito de São Carlos, Airton Garcia, tendo enaltecido o quanto era importante a presença dos dois políticos na cerimônia, tendo em consideração que a cidade se funde na Universidade, sendo necessário um trabalho árduo no campo do desenvolvimento local e com a educação pública em particular. Ao salientar o grau de dedicação que foi dado pelas Diretorias de Ensino e pelos professores para a concretização da “CUCo 2017”, Hernandes salientou o quanto esse trabalho foi fundamental para a formação dos jovens alunos. “Sem dúvida que têm que existir oportunidades para os alunos e elas aparecem de maneiras diferentes, mas também tem que haver vontade de agarrar essas oportunidades e isso significa estudar.

Cada gota de suor, cada dor de cabeça, cada minuto de estudo, tudo isso é importante e pode ser a diferença para atingir a sua meta, alcançar o futuro. Foi assim que aconteceu comigo e com muita gente no tempo em que eu estava no ensino médio na escola pública: a oportunidade surgiu e foi a partir dela que decidi qual o meu futuro. Olhem à sua volta e observem que aqui neste Instituto vocês encontram muitos professores e pesquisadores estrangeiros: tem russos, chineses, japoneses, alemães, ingleses, americanos, etc., e você só se enriquece com essa diversidade cultural: e isso acontece em toda a USP, não só aqui. A USP é transformadora, pois tem capacidade para transformar as pessoas para melhor e onde ela aparece, onde ela está, é sempre reconhecida pela sociedade, pois ela trabalha para a sociedade. O que era São Carlos na década de 1980? Nada… Não tinha uma única empresa de base tecnológica. Neste momento, em 2018, a cidade tem oitocentas empresas de base tecnológica, quase todas lideradas por jovens. Quanto isso gera de emprego, de renda, de riqueza para a cidade? Com a “CUCo”, o que queremos é que vocês, alunos e professores, vejam a dimensão da Universidade de São Paulo e aquilo que vocês podem beneficiar com ela. A USP quer não só valorizar os estudantes, mas também os professores e as escolas públicas, como um todo”, concluiu Hernandes.

Além dos alunos, foram também premiadas as seis Diretorias de Ensino do Estado de São Paulo que mais se destacaram nesta salutar competição, a saber:

6º lugar: Diretoria de Ensino de Diadema;
5º lugar: Diretoria de Ensino Sul;
4º lugar: Diretoria de Ensino de Apiaí;
3º lugar: Diretoria de Ensino de Jales;
2º lugar: Diretoria de Ensino de Itapevi;
1º lugar: Diretoria de Ensino de São Carlos;

Para a Profª Débora Gonzalez Costa Blanco, Dirigente da Diretoria de Ensino de São Carlos, professores e diretores das escolas públicas da cidade estão fazendo um trabalho maravilhoso, sendo que a qualidade dos alunos é o resultado disso. “A USP é um exemplo para ser seguido por outras universidades, nomeadamente nas ações que com frequência promove, direcionadas a alunos e professores do ensino secundário, como, por exemplo, o programa “Universitário por Um Dia”, “Escola de Física Contemporânea”, palestras para alunos, etc.. Por isso, digo que a USP é nossa!”, complementou Débora Blanco.

Como surpresa, a Dirigente pediu para exibir um pequeno vídeo onde foi mostrada uma curta retrospectiva do trabalho desenvolvido pelo Prof. Antonio Carlos Hernandes, no Instituto de Física de São Carlos, ao longo dos anos, especialmente dedicado nà difusão da ciência entre os mais novos, tendo sempre como foco os alunos do ensino médio das escolas públicas. Um documentário que deixou o Vice-Reitor bastante emocionado (CLIQUE NA IMAGEM AO LADO PARA ASSISTIR O VÍDEO)

A finalizar a cerimônia, coube ao Prof. Herbert Alexandre João apresentar e lançar a edição de 2018 da “CUCo”, cujas inscrições estão abertas até dia 08 de junho próximo para os alunos matriculados nos 1º, 2º e 3º anos do ensino médio das escolas públicas de São Paulo.

A Competição USP de Conhecimentos está sendo organizada pela Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest) e terá duas fases. A primeira é on-line com 18 testes de múltipla escolha sobre conhecimentos gerais, ciências e matemática. Os estudantes com o melhor desempenho nessa etapa avançam para a segunda fase, que é presencial, e o conteúdo inclui 45 testes, sendo 15 de português, 15 de matemática, dez de ciências e cinco de atualidades.

Prof. Herbert Alexandre João

Os alunos mais bem classificados dos três anos de ensino receberão certificados da USP, visitarão laboratórios de pesquisa da Universidade e terão videoaulas especiais de preparação para o vestibular. Os estudantes do 3º ano do ensino médio premiados ainda participarão do vestibular Fuvest 2019 sem pagar a taxa de inscrição.

Os interessados em participar do Vem pra USP! devem se inscrever no site do programa. Para o cadastro, o candidato deverá preencher o formulário e informar o número do CPF e RG. As provas da primeira fase deverão ser realizadas no período de 11 a 15 de junho. O candidato deverá acessar o mesmo site da inscrição para realizar a prova.

Os convocados e os locais do exame da segunda fase serão divulgados no dia 1º de agosto. A prova será realizada no dia 9 de agosto, das 8 horas às 11 horas. O local do exame é a escola onde o aluno está matriculado.

As perguntas da segunda fase da CUCo são baseadas no currículo do ensino médio definido pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. O material completo está disponível neste link.

 

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

Seminário do Grupo de Pesquisa em Nanomateriais e Materiais Cerâmicos

Realizou-se no dia 18 de maio, na Área-2 do Campus USP de São Carlos,mais um seminário organizado pelo Grupo de Pesquisa em Nanomateriais e Materiais Cerâmicos (NACA), desta vez tendo como palestrante o Pós-Doutorando na área de Nanomateriais de nosso Instituto, Bruno Sanches de Lima, que dissertou sobre Properties and superconductivity in Ti-doped NiTe2 single crystals.

Supervisionado pelo Prof. Dr. Valmor Mastelaro (IFSC/USP), Bruno de Lima apresentou seu trabalho de investigação relacionado com as propriedades físicas de um novo candidato para o semimetal Dirac tipo II, nomeadamente o efeito do dopamento de titânio nas propriedades físicas de amostras monocristalinas de NiTe2 dopadas com Ti.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

“Colloquium diei”: Do Maser ao Laser (O Laser Pointer Verde)

Em mais uma edição da iniciativa Colloquium diei, ocorrida no dia 18 de maio, o docente e pesquisador de nosso Instituto, Prof. Dr. Luiz Antônio de Oliveira Nunes, apresentou a palestra subordinada ao tema Do Maser ao Laser – O Laser Point Verde.

Todo mundo já deve ter assistido várias palestras e deve ter observado que a maioria dos palestrantes utilizam um Laser Pointer Verde: você sabe como ele funciona?

Nesta Palestra, o Prof. Dr. Luiz Antônio de Oliveira Nunes discutiu os princípios básicos de operação do Maser de Amônia, do Laser de Ruby e do Laser de HeNe.

Mostrou, também, através de um simples experimento, a emissão espontânea, a emissão estimulada e a operação laser do famoso Laser Pointer Verde.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

Licenciatura em Ciências Exatas: “Arduíno no Ensino de Ciências”

O Auditório “Prof. Sérgio Mascarenhas” (IFSC/USP) lotou no final da tarde do dia 14 de maio ao receber o Workshop Arduíno no Ensino de Ciências, um evento que embora tenha sido concebido especialmente para os alunos do Curso de Licenciatura em Ciências Exatas de nosso Instituto, contou também com a presença de muitos alunos de outros cursos de nossa Unidade e de outros estabelecimentos de ensino, incluindo professores da rede pública de ensino.

Ausente por motivos profissionais, o Diretor do IFSC/USP, Prof. Vanderlei Bagnato fez questão de gravar um vídeo que foi exibido no início do workshop, transmitindo aos participantes do evento o quanto é importante as iniciativas promovidas pelo Instituto e que são diretamente dedicadas aos alunos, sinalizando de forma enfática que, com essas ações, o Instituto de Física de São Carlos se aproxima cada vez mais de seus estudantes rumo à excelência e, neste caso específico, na excelência da formação de novos professores.

O Prof. Marcelo Barros, docente do IFSC/USP, foi quem coordenou esta iniciativa, com o apoio da Coordenação do Curso de Licenciatura em Ciências Exatas, na pessoa da docente coordenadora, Profª Cibelle Celestino Silva, tendo destacado que o objetivo desse workshop foi aproximar os alunos da Licenciatura com as iniciativas do Instituto e, nesse caso concreto, com a intenção de entenderem e poderem utilizar o “Arduíno” para implementação de tecnologias digitais especialmente dedicadas ao ensino de ciências – química, física e biologia -, além de outras vertentes.

Para o palestrante convidado, igualmente docente e pesquisador do IFSC/USP, Prof. Luiz Antônio de Oliveira Nunes, a intenção foi mostrar aos futuros professores como eles podem usar o “Arduíno” em sala de aula: “É uma máquina que faz tudo aquilo que você quiser, uma plataforma extremamente barata que é utilizada em todo o mundo. Ela faz coleta e tratamento de dados, sinalizando aos jovens possíveis saídas para o mercado de trabalho, como, por exemplo, robótica, automação, física, química, etc. Ela faz tudo aquilo que você desejar”, enfatizou Luiz Antônio.

Profs. Marcelo Barros e Luiz Antônio de Oliveira Nunes

A palestra do Prof. Luiz Antônio de Oliveira Nunes incluiu a realização de três experimentos – dois na área de física e um na vertente de química.

Assessoria de Comunicação – IFSC/USP

IFSC EM PROL DA SOCIEDADE

EVENTOS

COLÓQUIOS E SEMINÁRIOS

NOTÍCIAS

Seminário do Grupo de Óptica (IFSC/USP) com Prof. Reinaldo Cavasso Filho

O Grupo de Óptica do IFSC/USP realizou no dia 21 de maio mais um seminário acadêmico, desta vez apresentado pelo Prof. Dr. Reinaldo Luiz Cavasso Filho, docente e pesquisador da Universidade Federal do ABC (UFABC). Subordinada ao tema Inserindo Conteúdos de Física Moderna no Ensino Médio: O Efeito Fotoelétrico e o Limite Imposto pela Velocidade […]

IV Congresso de Graduação da USP – alteração de datas

A Universidade de São Paulo organiza nos dias 04 e 05 do próximo mês de julho, na Cidade Universitária, em São Paulo (Auditório do Centro de Difusão Internacional da USP, localizado na Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 222), o IV Congresso de Graduação da USP, que este ano estará subordinado ao tema Buscando a Transdisciplinaridade […]

Competição USP do Conhecimento – 2017 (“CUCo”)

Cerca de setenta alunos pertencentes aos 1º, 2º e 3º anos do Ensino Médio da cidade de São Carlos (representando cerca dos dois mil premiados em todo o estado de São Paulo) foram distinguidos no dia 14 de maio, em cerimônia ocorrida no Auditório “Prof. Sérgio Mascarenhas”, no nosso Instituto, por sua participação na Competição […]

IFSC EM PROL DA SOCIEDADE

EVENTOS

COLÓQUIOS E SEMINÁRIOS

Fale conosco
Instituto de Física de São Carlos - IFSC Universidade de São Paulo - USP
Obrigado pela mensagem! Assim que possível entraremos em contato..